Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

coluna

Carolina Bartunek: ESG, o que eu tenho a ver com isso?

Ford prevê US$ 5 bi em perdas por coronavírus no segundo trimestre

Primeiros três meses do ano já haviam registrado um prejuízo de US$ 2 bilhões no faturamento

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2020 | 02h03

A Ford anunciou na terça-feira, 28, que a pandemia do novo coronavírus vai provocar um prejuízo de cerca de US$ 5 bilhões nos próximos três meses, após ter deixado uma perda de US$ 2 bilhões no primeiro trimestre.

As medidas de isolamento e distanciamento social para deter a disseminação da covid-19 levaram ao fechamento das fábricas de automóveis nos Estados Unidos desde o dia 17 de março.

Apesar do início da retomada da atividade em alguns estados americanos, a Ford prevê um prejuízo operacional diante da esperada queda das vendas em todas as regiões. Os resultados finais "poderão ser diferentes das previsões, devido aos riscos, incertezas e outros fatores", adverte o grupo.

O faturamento caiu 15%, a US$ 34,3 bilhões, com recuo de 12,5% na vendas - inferior à previsão de 21% realizada em fevereiro. / AFP

Tudo o que sabemos sobre:
Fordcoronavírusepidemia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.