Ford vende Land Rover e Jaguar para Tata por US$ 2,3 bi

Montadora norte-americana espera registrar lucro anual de até US$ 100 mi com vendas para empresa indiana

Fabiana Holtz, da Agência Estado,

26 de março de 2008 | 09h12

A Ford Motor confirmou nesta quarta-feira, 26, ter fechado a venda das marcas Jaguar e Land Rover para a indiana Tata Motors por US$ 2,3 bilhões. A montadora norte-americana espera concluir o acordo no final do próximo trimestre. A notícia havia sido antecipada por fontes familiarizadas com a situação no início da manhã.   Como parte do acordo, a Ford vai continuar a fornecer motores produzidos em suas fábricas no Reino Unido para a Jaguar e a Land Rover pelos próximos cinco a sete anos, de acordo com fontes próximas às negociações. A Ford espera registrar um lucro anual de US$ 70 milhões a US$ 100 milhões com essas vendas para a Tata, acrescenta a fonte.   O processo de negociação estava em andamento desde junho passado, quando a montadora norte-americana contratou o Goldman Sachs e o Morgan Stanley para coordenar um leilão das duas unidades, que fazem parte da Premier Automotive Group (PAG). A Tata conseguiu se desvencilhar de diversos concorrentes, incluindo o One Equity Partners, uma unidade do JPMorgan, e a montadora indiana Mahindra & Mahindra.   Os dois lados tem trabalhado para garantir o apoio dos trabalhadores sindicalizados da Jaguar e da Land Rover. Diante da proximidade da venda o Unite, maior sindicato do Reino Unido, que representa cerca de 16 mil operários da Jaguar e da Land Rover, tem expressado preocupação sobre a segurança de empregos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
FordJaguarLand RoverTata Motors

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.