Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Fórum debate investimentos em infra-estrutura

A necessidade de investimentos em infra-estrutura e a forma de viabilizá-los são os temas centrais do Fórum de Debates sobre Investimentos em Infra-estrutura, que acontece nos dias 22 e 23 de junho em São Paulo. Organizado pela International Business Communications (IBC) e pela Agência Estado, o evento reunirá representantes do governo, iniciativa privada, associações e fundos de pensão.No encontro, os participantes debaterão estratégias e metas traçadas pelo governo para promover e incentivar o desenvolvimento sustentável por meio de parcerias com o setor produtivo. Eles também analisarão os aspectos mais preocupantes para os usuários de infra-estrutura, além das concessões rodoviárias no Brasil, suas oportunidades e desafios para o setor privado.Na área energética, os palestrantes vão discutir o novo modelo do setor elétrico no Brasil e os requisitos para a consolidação do arcabouço normativo do segmento. No setor ferroviário, o plano do governo de modernização das ferrovias, a conjuntura atual e os desafios para ampliação da malha serão o alvo da discussão. Em um dos painéis, o tema engloba o mercado de capitais como instrumento de desenvolvimento, e outra discussão envolve as opções encontradas pelo governo para mobilizar recursos e promover investimentos em infra-estrutura. O fórum ainda colocará em discussão o risco político, ou seja, a eventual interferência do Estado nos contratos realizados com a iniciativa privada.Para a abertura do evento foi convidado o ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Guido Mantega, que coordena o projeto de implantação de Parcerias Público-Privadas (PPPs) no governo. Ele vai discursar sobre o papel do Estado como promotor do desenvolvimento nacional e detalhar as metas traçadas pelo governo para promover e incentivar o desenvolvimento sustentável do País. ?Tratar de questões fomentadoras de desenvolvimento é um desafio. Por isso buscamos continuamente trazer para o mercado temas que contemplem alternativas para o crescimento econômico, social e político do Brasil?, avalia o diretor da IBC Marco Basso. ParticipaçõesEstá prevista a participação de especialistas e personalidades importantes de segmentos relacionados à questão da infra-estrutura no Brasil, como o diretor-presidente da AES Eletropaulo, Eduardo Bernini, os presidentes da Petros, Wagner Pinheiro de Oliveira, da Previ, Sergio Ricardo Silva Rosa, da Funcef, Guilherme Narciso de Lacerda, o superintendente de infra-estrutura do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), João Carlos Cavalcante e o diretor-executivo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Martus Tavares, entre outros. O ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) Luiz Leonardo Cantidiano e o ex-secretário-executivo do Ministério dos Transportes Keiji Kanashiro também estarão presentes. ProgramaçãoConfira a seguir a programação completa dos debates nos dias 22 e 23 de junho, no Hotel Gran Meliá WTC, em São Paulo. Mais informações sobre o evento podem ser obtidas no site www.ibcbrasil.com/infra2004.Terça-feira8 horas ? Sessão de Abertura: ?O Papel do Estado Como Promotor do Desenvolvimento Nacional? ? ministro Guido Mantega.8h30 ? Painel: ?A Visão dos Grandes Usuários de Infra-Estrutura. As Necessidades do Setor Privado e Disposição Para Investimentos? ? com participação dos presidentes da Associação Brasileira da Infra-Estrutura e Indústrias de Base, José Augusto Marques, da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC), Geraldo Aguiar de Brito Vianna. 10 horas ? Apresentação: ?O Modelo de Concessão de Rodovias? ? diretor-presidente da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias, Moacyr Sevilla Duarte.10h40 ? Painel: ?Os Desafios Para a Implantação da Intermodalidade no Brasil? ? ex-secretário-executivo do Ministério dos Transportes Keiji Kanashiro12h10 ? Apresentação: ?O Marco Regulatório de Energia e o Equilíbrio Econômico-Financeiro do Setor?14 horas ? Painel: ?O Novo Modelo do Setor Elétrico? ? com os diretores-presidentes da Câmara Brasileira de Investidores em Energia Elétrica (CBIEE), Cláudio José Dias Sales, e da Eletropaulo, Eduardo José Bernini, e o presidente do conselho de administração do Mercado Atacadista de Energia Elétrica (MAE), Antonio Carlos Fraga Machado.16 horas ? Apresentação: ?Condições para o Escoamento da Produção Nacional? ? chefe da assessoria econômica do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, José Carlos Rocha Miranda. 16h40 ? Painel: ?Necessidade de Investimentos para Expansão da Malha Ferroviária? ? com a participação do diretor-presidente da Brasil Ferrovias, Elias David Nigri, e dos presidentes da Supervia Concessionária de Transporte Ferroviário S.A., Paulo de Souza Bello, e da Associação Brasileira da Indústria Ferroviária (Abifer), Luis Cezario Amaro da Silveira. Quarta-feira8 horas ? Apresentação: ?O Mercado de Capitais Como Alternativa Para Investimentos em Infra-Estrutura? ? ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) Luiz Leonardo Cantidiano.8h40 ? Painel: ?Busca de Soluções para Enfrentamento dos Gargalos na Estrutura de Transportes? ? com a presença de representantes da Administração da Hidrovia do Rio São Francisco (AHSFRA) e da Associação de Desenvolvimento Regional para a Conclusão da BR-163, além do presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária, Fernando Antonio Brito Fialho. 10h40 ? Painel: ?O Papel dos Bancos de Fomento no Fortalecimento do Desenvolvimento Sustentável Nacional? ? diretor-executivo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Martus Tavares.13h10 ? Apresentação: ?Os Desafios de Mobilizar Recursos Para Investimentos em Infra-Estrutura? - 14 horas ? Painel: ?Os Riscos nas Operações de Infra-Estrutura? ? José Emílio Nunes Pinto, sócio da Tozzini, Freire, Teixeira e Silva Advogados, deputado Paulo Bernardo Silva16 horas ? Painel: ?Fundos de Pensão: Aspectos Analisados nos Investimentos em Infra-Estrutura? ? com os presidentes da Fundação dos Economiários Federais (Funcef), Guilherme Narciso de Lacerda, da Fundação Petrobras de Seguridade Social, Wagner Pinheiro de Oliveira, e da Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil, Sérgio Ricardo Silva Rosa18h30 ? Encerramento do Fórum

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.