França negocia plano de ajuda para ArcelorMittal

Paris, 28/07/2012 - O ministro da Indústria da França, Arnaud Montebourg, vai iniciar conversas sobre o futuro da fábrica de aço da ArcelorMittal rapidamente. A preocupação do ministro com a gigante do aço é decorrente de um estudo feito por um consultor que revelou que para se manter competitiva, a fábrica precisará de investimentos rápidos e significativos.

Agencia Estado

28 de julho de 2012 | 13h40

O ministro irá conversar com os executivos da ArcelorMittal para assegurar que um projeto de desenvolvimento para a indústria corresponda à estratégia da empresa.

Dois meses atrás, ArcelorMittal confirmou seu plano de extender por outros seis meses o funcionamento apenas parcial da fábrica até o final de 2012. O futuro desta fábrica é um dos muitos casos que estão sendo observados de perto pelo governo francês à medida que o enfraquecimento da demanda europeia e questões de competitividade estão afetando a indústria francesa.

A empresa automobilística francesa Peugeot também está no meio de intensa negociação com o presidente francês Francois Hollande sobre seus planos de reestruturação. As informações são da Dow Jones. (Equipe AE)

Tudo o que sabemos sobre:
FrançaArcelorMittalmineração

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.