Friboi vai retomar estatégia de aquisições em 2009

O frigorífico Friboi informou hoje que não pretende fazer aquisições neste ano porque o foco é a integração das companhias compradas no ano passado, mas disse que pretende retomar a estratégia de compras a partir de 2009. Segundo o presidente da empresa, Joesley Mendonça Batista, as dificuldades enfrentadas no mercado do Mercosul farão surgir boas oportunidades de compras de empresas em dificuldades. O executivo descartou planos de fazer aquisições no Uruguai, que é um importante exportador de carne bovina, porque o país está apresentando um desempenho tão positivo que a tendência futura é de queda. "Os resultados já estão nas máximas históricas", disse. PrejuízoO Grupo JBS-Friboi registrou prejuízo líquido de R$ 6,616 milhões no primeiro trimestre de 2008, contra lucro líquido de R$ 10,643 milhões no mesmo período do ano passado. A receita líquida consolidada totalizou R$ 5,859 bilhões, contra R$ 1,086 bilhão. O lucro bruto cresceu para R$ 510,226 milhões, ante R$ 257,643 milhões. Já o resultado operacional foi de R$ 4,143 milhões de janeiro a março de 2008, inferior aos R$ 29,635 milhões um ano antes. A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações, na sigla em inglês) somou R$ 176,265 milhões, resultado que se compara aos R$ 156,229 milhões nos três primeiros meses de 2007.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.