Frota mundial de aviões vai dobrar em 20 anos

A fabricante de aviões Boeing elevou sua expectativa de demanda por aviões para os próximos 20 anos, dizendo que as empresas aéreas precisarão de 35.280 novos jatos avaliados em US$ 4,8 trilhões, com a frota mundial dobrando nas próximas duas décadas. A nova estimativa indica um aumento de 3,8% sobre a expectativa anterior da Boeing, antecipando uma melhora nas viagens na Ásia-Pacífico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.