Rafael Neddrmeyer/Fotos Públicas
Rafael Neddrmeyer/Fotos Públicas

-15%

E-Investidor: como a queda do PIB afeta o mercado financeiro

Fui demitido, como posso sacar FGTS em tempos de pandemia?

Caixa oferece serviço de saque digital do fundo de garantia para evitar aglomerações nas agências e caixas eletrônicos

Diego Kerber, O Estado de S.Paulo

11 de maio de 2020 | 17h32

Por causa da pandemia do novo coronavírus e do isolamento social recomendado pelas autoridades de saúde, muitas empresas terão uma queda drástica de renda. Mesmo com todas as medidas tomadas pelo governo federal para tentar minimizar esse impacto, como o Benefício Emergencial para Manutenção do Emprego e Renda (BEm), que começou a ser pago no dia 4, grande parte dos empregadores optou por despedir uma parcela de seu quadro de empregados para reduzir custos.

Apesar de a crise deixar as empresas em uma situação financeira delicada, os direitos do trabalhador com carteira assinada, determinados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), continuam valendo. Isso inclui o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e o seguro-desemprego, caso o funcionário cumpra os requisitos.

A Caixa Econômica Federal oferece a possibilidade de fazer o saque do FGTS por meios digitais. Saiba como.

Como fazer saque digital do FGTS

A opção do saque digital do FGTS nada mais é do que uma transferência do valor do fundo de garantia para uma conta bancária em seu nome. O processo pode ser feito pelo aplicativo “FGTS”, disponibilizado pela Caixa para sistemas Android e iOS.

Ao entrar no aplicativo pela primeira vez, você deve informar seu CPF ou realizar o cadastro na Caixa, com nome completo, data de nascimento, email e cadastrando uma senha de acesso.

Após esse processo de cadastramento, o aplicativo ainda vai fazer algumas perguntas de confirmação. Em seguida, leia os termos de prestação de serviços, marque a opção “Li e aceito os termos e condições” e clique em Continuar. Se estiver tudo correto, você vai acessar a página inicial do aplicativo. Ali você pode consultar o saldo disponível para saque em todas as suas contas.

Para cadastrar a conta para receber o saque, você deve tocar no botão “Meus saques” na parte inferior da tela. No menu de opções desça a tela até aparecer a opção “Cadastrar minha conta bancária para crédito do FGTS”. Ao clicar nessa opção, você pode cadastrar a conta em que deseja receber o valor.

Se você sacar o fundo de garantia por demissão sem justa causa, não precisa fazer nenhuma solicitação. Como o empregador já informa o afastamento do trabalhador pelo programa Conectividade Social, a Caixa utiliza esse registro para disponibilizar os valores de forma automática. Assim, o trabalhador precisa apenas consultar o valor disponível pelo aplicativo e informar a conta bancária .

Para solicitar o saque por outros motivos, entre novamente no menu “Meus saques” e escolha o tipo de saque que você quer realizar. A página que abrir terá todas as informações sobre a modalidade de saque e quais as condições e os documentos necessários para fazer o pedido. Você deve tocar no botão “Solicitar saque FGTS” e completar o processo de solicitação.

Você pode acompanhar o processamento da sua solicitação também pelo menu “Meus saques”. Basta acessar a opção “Acompanhar meus saques” e clicar no seu pedido.

Segundo a Caixa, para qualquer tipo de saque, o valor estará disponível na conta indicada em até cinco dias úteis caso não haja divergência de informações ou documentos incorretos/faltando.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.