Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Funcionário do Wal-Mart morre pisoteado no 'Black Friday'

Homem de 34 anos foi pisoteado por comprados em busca de pechinchas no feriado de Ação de Graças

Suzi Katzumata, da Agência Estado,

28 de novembro de 2008 | 15h15

Um homem de 34 anos, funcionário do Wal-Mart Stores, morreu pisoteado por uma multidão de compradores descontrolados em busca de pechinchas da Black Friday, por volta das 8h (de Brasília). O incidente ocorreu na unidade do Green Acres Mall, em Valley Stream (Nova York), de acordo com o porta-voz do Departamento de Polícia do Condado de Nassau Michael Aronsen. O funcionário do Wal-Mart foi declarado morto no hospital uma hora depois. O Wal-Mart disse que está tentando determinar os fatos relacionados com o incidente. Uma mulher grávida de 28 anos também foi levada para um hospital para observação. Além disso, outros três clientes sofreram ferimentos leves e foram levados para hospitais.  Em comunicado, a Wal-Mart declarou que "a segurança de nossos clientes e associados são nossa principal prioridade". "Uma trágica situação ocorreu esta manhã na abertura de nossa unidade em Valley Stream. Estamos tristes em informar que um homem que estava trabalhando para uma agência temporária em nosso nome morreu na loja e alguns de nossos clientes ficaram feridos. Nossos pensamentos e orações estão com eles e suas famílias neste momento difícil. Neste ponto, os fatos ainda estão sendo reunidos e estamos trabalhando junto com a polícia do Condado de Nassau conforme eles investigam o que ocorreu", diz a nota.  O dia seguinte do feriado de Ação de Graças é conhecido como Black Friday, que tradicionalmente marca o início oficial das vendas de final de ano nos EUA. O nome faz referência a expectativa de lucro dos varejistas, de trocar a tinta vermelha pela de cor preta (ou azul) para dar baixa nos balanços.

Tudo o que sabemos sobre:
Black FridayWal-Mart

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.