Funcionários da Petrobras desistem de greve

Foi descartada a greve dos funcionários da Petrobras que estava prevista para amanhã. Os empregados da estatal aceitaram a nova proposta da empresa referente ao pagamento de participação nos lucros. Após várias rodadas de negociações, a proposta final ficou em R$ 700 milhões para serem divididos entre os 3,9 mil funcionários. A Federação Única dos Petroleiros (FUP), estava reivindicando um aumento sobre o benefício inicialmente concedido, de R$ 660 milhões, argumentando que no ano passado o total tinha sido de R$ 770 milhões para 34 mil funcionários. O aumento, pela proposta da Petrobras, foi dado ao piso do benefício, o que faz com que quem ganha menos passe a receber mais a partir de agora.

Agencia Estado,

12 Maio 2005 | 17h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.