Funcionários da Varig fazem ´apitaço´ para Lula

Cerca de 50 funcionários da Varig, vestidos com camiseta da empresa, promovem um "apitaço" nas proximidades do Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro, onde é aguardado o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a cerimônia de comemoração pela conquista da auto-suficiência na produção de petróleo nacional. Bandeiras do PC do B, faixas pedindo apoio para a Varig e outras saudando o presidente são mantidas a cerca de 50 metros de distância da entrada do prédio do Museu por um forte aparato de segurança, para evitar tumultos na chegada de Lula. Há cerca de duas horas, o presidente acionou válvula que colocou em operação a plataforma de petróleo P-50 na bacia de Campos. Lula repetiu o gesto do ex-presidente Getúlio Vargas molhando as mãos no óleo para em seguida deixar as marcas em um macacão de um petroleiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.