Funcionários do BC encerram greve e voltam ao trabalho na 2ª

Os funcionários do Banco Central acabam de ratificar, em assembléia, acordo firmado ontem à noite pelo presidente do sindicato da categoria, David Falcão, com o diretor de Administração do BC, João Fleury. O acordo prevê reajuste de 10% sobre os vencimentos básicos, dos quais 6% a partir de janeiro e 4% a partir de junho.Pelo acordo, ficou também assegurado o direito dos servidores de receberem os reajustes gerais da categoria, incluindo gratificações de valores variados. Agora, será discutida uma compensação pelos 33 dias de greve completados hoje, a fim de que os funcionários não tenham estes dias descontados em seus salários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.