Funcionários do BC fazem assembléia às 16 horas

Os funcionários do Banco Central (BC) fazem hoje, às 16 horas, nova assembléia para deliberar sobre a proposta de reajuste salarial de 10% apresentada pelo governo na última sexta-feira. Antes disso, os representantes sindicais do servidores do BC farão uma reunião com o diretor de Administração, João Antônio Fleury Teixeira, às 9 horas. O objetivo do encontro é discutir outros pontos da pauta de reivindicações dos empregados do banco."São pontos que não estão relacionados com a questão salarial", disse o presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do BC (Sinal), David Falcão. Os funcionários do BC estão em greve desde o dia 19 de setembro e querem um reajuste salarial de 6,82% retroativo a setembro e mais 15% em janeiro de 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.