Fundos de pensão aprovam regras anunciadas pelo governo

A Associação Nacional da Previdência Privada (Anapp) aprovou as medidas anunciadas hoje pelo governo federal em relação à tributação dos fundos previdenciários. "De maneira geral, o governo está na linha correta. É preciso formar poupança de longo prazo para se ter desenvolvimento sustentado da economia", afirmou o presidente da associação, Osvaldo do Nascimento.Para ele, a decisão extinguir o Regime Especial de Tributação (RET) é importante porque iguala os fundos de pensão fechados e os planos de previdência abertos. "Esta é uma decisão que está no caminho certo. Acaba-se com as distorções e deixa para a sociedade o direito de escolher qual o plano previdenciário mais adequado", disse.A instituição de novas regras tributárias decrescentes para futuros planos previdenciários também foi comemorada. Na opinião do presidente da Anapp, o mercado poderá questionar a alíquota de 35% estabelecida para a manutenção de curto prazo dos recursos aplicados, bem como o prazo para redução do imposto para 10% mas, ainda assim, o mecanismo proposto pelo governo é positivo. "A questão da alíquota e do prazo são detalhes menores", disse. Na opinião dele, um dos elementos fundamentais para o crescimento da poupança de longo prazo está presente no plano do governo. "Há estabilidade de regras e esse é o ponto principal", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.