Fundos deverão informar cotistas sobre perdas

As instituições que administram fundos de investimento terão até o dia 30 de agosto para informar aos seus cotistas os impactos da marcação a mercados dos títulos e valores mobiliários em carteira. O ajuste contábil desses papéis foi determinado pela Instrução nº 365 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), de 29 de maio passado, e provocou perdas expressivas em alguns fundos.Segundo ofício-circular nº 4 da autarquia, os investidores deverão receber cartas dos bancos "esclarecendo qual foi o montante dos ajustes, os efeitos no resultado do fundo e o impacto no valor de suas cotas". O documento esclarece que o custo das correspondências ficará sob responsabilidade do administrador do fundo, sendo admitida a remessa por meio eletrônico ou juntamente com o envio do extrato ou outro comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.