G-20 busca acordo sobre regras para bônus dos bancos

A ministra de Finanças da França, Christine Lagarde, disse que os líderes do G-20, reunidos em Pittsburgh, concordaram em exigir que os bancos distribuam seus pagamentos de bônus ao longo de três anos, em proibi-los de garantir bônus e em determinar que os bancos reduzam o volume de bônus quando estiverem perdendo dinheiro. "Uma grande parte do trabalho técnico foi feita, nós passamos horas e horas tentando alinhar nossas visões", disse ela.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

25 de setembro de 2009 | 10h29

Lagarde acrescentou que ainda não há acordo para limitar o valor dos bônus a serem pagos, mas espera que essa medida também seja implementada, "especialmente quando um banco não estiver suficientemente capitalizado", afirmou. Órgãos reguladores terão o papel de supervisionar o volume e a estrutura da remuneração nos bancos, segundo a ministra. Um acordo sobre esses assuntos deve ser fechado hoje, e as medidas deverão ser aplicadas para os bônus deste ano, disse ela.

Tudo o que sabemos sobre:
G-20reunião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.