Gabrielli: álcoolduto pode começar a operar em 2010

A Petrobras pode começar a operar em 2010 o primeiro trecho do alcoolduto que ligará as regiões produtoras do Centro-Oeste a terminais portuários nos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro. A informação foi dada pelo presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, durante o Congresso Mundial do Petróleo, em Madri. O alcoolduto deverá funcionar em toda sua extensão no ano de 2012, disse o executivo, em entrevista à agência Dow Jones.O projeto mais avançado é o que liga os municípios de Senador Canedo (GO) e Paulínia (SP), com 1.150 km de extensão e um custo aproximado de US$ 1 bilhão. O objetivo é escoar a produção de etanol da região Centro-Oeste, passando pela cidade mineira de Uberaba e as paulistas de Ribeirão Preto e Guararema. Dessa última, o duto seguirá para São Sebastião, no litoral norte paulista, e daí para o terminal de Ilha d''Água, no Rio de Janeiro. Com informações da agência Dow Jones.

HÉLIO BARBOZA, Agencia Estado

03 de julho de 2008 | 15h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.