Galp compra postos da Exxon em Portugal e Espanha

A companhia portuguesa de petróleo e gás Galp Energia afirmou hoje, em documento, que comprou os ativos de produtos de petróleo da petrolífera americana ExxonMobil em Portugal e na Espanha por um valor não revelado.A Galp disse que o acordo inclui um volume de vendas de produtos de petróleo de cerca de 1 milhão de toneladas métricas por ano, a rede de 130 postos de varejo da Exxon nos dois países, os negócios de combustível de aviação, industrial e gás liquefeito de petróleo (GLP) e a maioria dos negócios de lubrificantes. Porém, os ativos comprados pela Galp não incluem os negócios de asfalto na Espanha, lubrificantes marinhos e de aviação, estoques, lubrificantes de marcas privadas, cera e óleos brancos. Além disso, não haverá impacto sobre o negócios de químicos da Exxon nos dois países."O objetivo da Galp é maximizar o retorno da rede de varejo por meio da elevação da eficiência e do aumento do volume de vendas, em linha com a planejada capacidade de refino", diz o documento.A Galp, que planeja investir cerca de 5,3 bilhões de euros (US$ 8,3 bilhões) em suas operações até 2012, espera produzir 47% da demanda total de Portugal. No ano passado, a Galp comprou a Agip Portugal e a Agip Spain, que eram as operações da petrolífera italiana Eni para produtos de petróleo em Portugal e Espanha.No Brasil, a Petrobras está interessada em comprar os ativos da Exxon, que operam sob a marca Esso. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.