Gap planeja abrir suas primeiras lojas no Brasil em 2013

Empresa planeja, inicialmente, abrir lojas em São Paulo e no Rio de Janeiro

Stefânia Akel, da Agência Estado,

18 de dezembro de 2012 | 16h35

NOVA YORK - A Gap planeja abrir suas primeiras lojas no Brasil no ano que vem, como parte de um esforço para expandir sua presença internacional.

"Como o Brasil é o quinto maior país do mundo e a maior economia da América Latina, nossa percepção é de que esse mercado nos dará uma oportunidade de crescimento incrível", disse Stefan Laban, diretor de alianças estratégicas da Gap.

A empresa planeja, inicialmente, abrir lojas em São Paulo e no Rio de Janeiro, e em seguida expandir sua presença no mercado brasileiro pelos próximos cinco anos. A Gap iniciou sua expansão na América Latina no ano passado e já tem lojas no Chile, Uruguai, Panamá, Colômbia e México.

A varejista já tem lojas em mais de 40 países, sendo que, em 2006, estava presente somente em oito.

Às 16h30, em Nova York, as ações da Gap operavam em alta de 0,96%. Os papeis da empresa registram valorização de 73% no acumulado do ano.

As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.