Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Garibaldi admite que governo segura nomeações

O ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, admitiu nesta quinta-feira que o governo está segurando nomeações de servidores públicos que já passaram em concursos públicos em razão da entrada em vigor do Funpresp - o fundo de previdência complementar dos servidores públicos federais. Questionado sobre o tema, o ministro respondeu: "claro". Segundo ele, esta é uma atitude tomada em consenso com os ministérios do Planejamento e da Fazenda.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

29 de março de 2012 | 12h12

"Há sempre uma discussão muito exaustiva sobre o tema. Essa nova realidade criada pode ser absorvida rapidamente", comentou Garibaldi, que não soube informar o volume de pessoas que esperam para ser nomeadas. Ele disse ainda que as contratações de novos servidores agora ocorrerão só sob o novo regime. "Se não, seria uma contradição ''exemplar''", brincou. O ministro disse ainda que quem for nomeado a partir de agora não deve temer.

Tudo o que sabemos sobre:
Previdência SocialFunpresp

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.