GBarbosa compra Mercantil Rodrigues, de Salvador (BA)

Depois de anunciar, no início do mês, a venda do Gbarbosa para a chilena Cencosud, por US$ 380 milhões, o grupo sergipano informou hoje a compra do Mercantil Rodrigues, empresa baiana com 40 anos de tradição nos ramos atacadista e varejista. O valor do negócio não foi informado. "Queremos fortalecer a nossa presença no mercado baiano. Isso se torna possível por meio de uma marca forte como o Mercantil Rodrigues", afirmou o presidente do grupo Gbarbosa, Gerard Scheij.O GBarbosa manterá a marca Mercantil Rodrigues, o conceito de gestão, a política de compra e venda e a estratégia de negócios. O ex-dono do Mercantil Rodrigues, Zenildo Rodrigues, continuará à frente da empresa. "Vamos somar nossa experiência à marca consolidada do GBarbosa", disse Rodrigues, em nota à imprensa.Assim como o Gbarbosa, o Mercantil Rodrigues pratica o conceito de "atacarejo", com preços de atacado, mas com serviços de varejo, como embalagens e empacotadores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.