General Eletric pretende cortar 2.500 empregos

A GE Power Systems, unidade da norte-americana General Electric Co., planeja cortar cerca de 2.500 empregos nos próximos nove meses, com outras demissões previstas para o final de 2003, em resposta à uma demanda reduzida por equipamentos de geração de energia. A fornecedora de tecnologia de geração de energia emprega um total de 36.500 pessoas.Em comunicado, a companhia disse que os cortes serão efetuados principalmente nas unidades de produção de turbinas de sua divisão de produtos de energia, onde o volume de encomendas e embarques nos EUA de turbinas a gás deverá declinar em 80% ou mais nos próximos dois anos.

Agencia Estado,

23 de julho de 2002 | 15h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.