Globo Cabo pára de captar recursos

A Globo Cabo não fará novas emissões de papéis no mercado de capitais no Brasil e no exterior por um ano. Isso quer dizer que, para comprar ações da empresa, será preciso atuar no mercado secundário - transações entre investidores. A informação é do diretor da empresa, Leonardo Pereira. As ações da companhia vêm ganhando liquidez - facilidade de negociação - desde maio. Nos últimos dias, esse potencial tem crescido ainda mais. Alguns analistas afirmam que isso é resultado do movimento de investidores descontentes com a opção de troca de ações da Telesp por Brazilian Depositary Receipts (BDRs) da Telefónica, que estariam comprando papéis da Globo Cabo. Diretor não confirma motivo do crescimento De acordo com o diretor, as ações da companhia representam entre 5% e 6% dos negócios na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Pereira não tem dados para confirmar que esse maior volume de operações da Globo Cabo estaria realmente ocorrendo em função da insatisfação com troca de papéis da Telesp.A Globo Cabo deve fechar este ano e o próximo no vermelho. Isso porque está em plena fase de investimentos, que devem chegar a US$ 150 milhões agora em 2.000. No primeiro trimestre de 2000, o prejuízo da empresa foi de R$ 32 milhões. Diminuiu um pouco devido à mudança no critério de depreciação dos balanços.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.