Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Globopar obteve lucro de R$ 2,11 bilhões no ano até setembro

A Globopar/TV Globo registrou lucro líquido de R$ 2,11 bilhões nos primeiros nove meses do ano, segundo o balanço da empresa. É o primeiro balanço que consolida as operações da TV Globo com as da Globopar, que funcionava como holding financeira das empresas da família Marinho.A fusão entre as duas empresas foi formalizada no dia 31 de agosto e o balanço divulgado não é comparável aos de exercícios anteriores e nem com o somatório das demonstrações das antigas empresas, conforme ressalva a auditora Maria Helena Pettersson, que faz a auditoria em nome da Ernst & Young. Procurado pela Agência Estado, a diretoria da empresa não quis dar entrevista sobre o processo de fusão ou sobre o balanço encerrado em setembro.Os ganhos da TV Globo/Globopar resultaram basicamente da incorporação de ágio (goodwill) da TV Globo no processo de fusão. Além disso, a Globopar contabilizou um ganho de R$ 593 milhões no processo de reestruturação da dívida, concluído no dia 20 de julho.Após uma longa negociação de mais de dois anos, a empresa chegou a um acordo com os credores em maio. No processo, o grupo emitiu novos papéis, com juros mais baixos, o que permitiu o ganho financeiro. Além disso, parte da dívida foi amortizada através de leilão holandês (R$ 353,778 milhões) com deságio sobre o valor inicial.A forte valorização do real frente ao dólar também favoreceu o grupo, já que boa parte das dívidas é em moeda estrangeira. Em moeda nacional o maior débito é junto ao BNDES, no total de R$ 392,414 milhões no final de setembro, com taxas de mais 4,5% ao ano, com vencimento em dezembro de 2012.

Agencia Estado,

14 de dezembro de 2005 | 14h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.