GM: 6 mil unidades do Celta em 14 dias

A General Motors vendeu 6.000 unidades de seu novo modelo Celta, fabricado em Gravataí (RS), ao atacado durante os primeiros 14 dias de comercialização do veículo em setembro, mês de seu lançamento. No varejo, ou seja, diretamente para o consumidor, foram entregues 4.100 unidades no mesmo período. Os compradores ficaram divididos na hora de escolher o meio de aquisição: metade dos negócios foi feita no estilo tradicional, pela revenda, e a outra parte, via Internet, informou o diretor de comunicação social da montadora, Luiz Fanfa. No comércio eletrônico, o modelo custa mais barato que na venda convencional: R$ 13.390,00 contra R$ 14.170,00, pois há diferença na incidência de impostos. O veículo inaugurou um sistema de vendas que embute no preço o valor do frete, idêntico em todo o Brasil. Embora o consumidor ainda não esteja habituado à compra de veículos pela Internet, a GM prevê aumento desta parcela de negócios.O consumidor, que atualmente escolhe e faz a aquisição eletrônica em quiosques instalados nas concessionárias, poderá realizar a compra de sua casa - ou de qualquer computador - a partir da segunda quinzena de outubro. O desempenho das vendas do novo modelo foi considerado "muito bom" pela montadora, disse Fanfa, que deverá comercializar toda a produção deste ano, calculada em 30 mil unidades.

Agencia Estado,

09 de outubro de 2000 | 07h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.