GM convoca proprietários do Omega para recall

Atrito entre a mangueira e a braçadeira pode causar vazamento de combustível e incêndio no motor

Anne Warth, da Agência Estado,

10 de janeiro de 2008 | 15h08

A General Motors do Brasil (GM) convocou os proprietários do veículo Omega modelo 2008 a comparecerem às concessionárias autorizadas da Rede Chevrolet a partir da próxima quarta-feira, 16, para verificação e eventual substituição gratuita da mangueira de alimentação do combustível e da braçadeira de fixação da mangueira do sistema de evaporação do combustível. A montadora informa que, em alguns veículos, o atrito entre a mangueira e a braçadeira pode causar vazamento de combustível e incêndio no compartimento do motor. A braçadeira será substituída por uma cinta plástica e os carros receberão uma nova mangueira. "As chances disse acontecer são muito baixas, mas obviamente estamos optando pelo excesso da precaução", disse, na terça-feira, o porta-voz da GM Holden na Austrália, John Lindsay. Os veículos incluídos neste recall foram produzidos na fábrica da GM na Austrália e importados entre agosto e dezembro de 2007. Serão 784 veículos no Brasil, com número de série do chassi entre 8L100018 e 8L983844. Na Austrália, o recall envolve 53 mil unidades; no Oriente Médio, 27 mil; e na Nova Zelândia, 5 mil. A GM não informou o custo que terá com a operação. O atendimento aos proprietários deverá ser agendado por meio do telefone 0800-702-4200 ou pelo site www.chevrolet.com.br.

Mais conteúdo sobre:
RecallGeneral Motors

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.