GM fará recall de 500 mil unidades do Camaro

Modelo esportivo de sucesso mundial apresenta problemas na ignição que podem causar acidentes; no Brasil, carros terão recall do airbag

Associated Press, O Estado de S. Paulo

13 de junho de 2014 | 10h54

DETROIT - A General Motors anunciou uma chamada de recall para reparo do Chevrolet Camaro por problemas na ignição.

Quase 512  mil unidades do veículo esportivo produzidos entre 2010 e 2014 estão sendo convocados.

Segundo a empresa, o mecanismo oferece problema grave de segurança quando o motorista esbarra o joelho e o interruptor desliga o motor em movimento.

Se o motor para de funcionar, o mecanismo da direção hidráulica e os freios param de funcionar, podendo levar o motorista a perder o controle do veículo.

Segundo a GM, pelo menos três acidentes foram provocados e quatro pessoas ficaram feridas até agora por causa da falha.

O Camaro é um esportivo de porte médio da Chevrolet produzido desde 1966. O carro foi lançado em resposta ao Mustang, o esportivo de grande sucesso lançado na época pela Ford. O Camaro chegou a sair de linha em 2002, mas voltou ao mercado em 2009.

No brasil, o modelo ficou famoso após o sucesso da música 'Camaro amarelo', da dupla sertaneza Munhoz e Mariano. 

Brasil. No Brasil,a General Motors convocou nesta sexta-feira, 13, os proprietários dos veículos Camaro modelo 2012, fabricados entre 19/1/12 e 17/5/12, com números de chassis de C9168246 a C9206504, para substituição do conector do chicote do airbag frontal ao lado do motorista.

Os proprietários devem comparecer às concessionárias autorizadas da rede a partir de 17 de junho.

No comunicado, a empresa informa ter constatado "uma não conformidade na conexão dos terminais de airbag frontal do lado do motorista que pode fazer com que o airbag fique inoperante".

Em decorrência disto, o airbag pode não funcionar em eventuais colisões, podendo causar lesões graves na cabeça e na parte superior do corpo do motorista.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 702 4200, ou pelo site www.chevrolet.com.br.

Tudo o que sabemos sobre:
CamaroRecall

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.