carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

GM oferece abono de R$ 2 mil a metalúrgicos

Depois de uma negociação de mais de sete horas, ontem, saiu uma nova proposta para o reajuste salarial dos trabalhadores da General Motors de São José dos Campos e São Caetano do Sul. A proposta, definida durante reunião entre os Sindicatos dos Metalúrgicos das duas cidades e a direção da empresa, prevê o pagamento imediato de um abono de R$ 2 mil, além do reajuste de 7,44%, que já estava previsto na proposta anterior, rejeitada pelos trabalhadores.Do índice acertado será descontada uma antecipação de 1,23%, negociada na campanha salarial do ano passado, o que resulta em reajuste de 6,14%. ''''A grande diferença é o pagamento do abono, que, se for distribuído ao longo do ano, representa mais 3,5% no salário'''', disse o secretário do sindicato de São José dos Campos, Luiz Carlos Prates, o Mancha. Os preços das refeições e do transporte dos trabalhadores também serão congelados até o fim do ano.O novo aumento só passará a vigorar a partir de 1º de janeiro de 2008.

João Carlos de Faria, O Estadao de S.Paulo

07 de setembro de 2013 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.