GM prevê vender mais de 2 milhões de veículos na China

O presidente e diretor geral da General Motors (GM) para a China, Kevin Wale, disse hoje que a companhia espera vender mais dois milhões de veículos na China neste ano.

AE-DJ, Agencia Estado

23 Janeiro 2010 | 13h56

O executivo afirmou que a expectativa da multinacional norte-americana para o mercado chinês é de crescimento de 10% a 15%, em relação ao ano passado. Em 2009, as vendas da GM na China saltaram 67% para 1,83 milhões de unidades, impulsionadas por medidas de apoio do governo, incluindo o corte nos impostos para compra de pequenos veículos.

Analistas dizem que os incentivos podem ser retirados neste ano e projetam o arrefecimento das vendas em 2010 em todo o mercado. Ainda assim, Wale aposta no aumento das vendas do seu carro comercial mini, de joint venture SAIC-GM-Wuling Automobile. Ele disse ainda que a joint venture lançara novos modelos neste ano, mas não detalhou os planos.

Mais conteúdo sobre:
GM China veículos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.