GM vai efetivar trabalhadores de São José dos Campos

Os 440 trabalhadores temporários da fábrica da General Motors de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, devem ser efetivados a partir de hoje. A informação é do Sindicato dos Metalúrgicos do município. A empresa preferiu não comentar o assunto, mas segundo o presidente do sindicato Luiz Carlos Prates, os contratos venceriam nesta semana e só foram revertidos em contratações efetivas depois de diversas reuniões entre os representantes da categoria e a direção da GM. "Em um acordo realizado com a montadora em outubro do ano passado, a situação acabou sendo revertida".No ano passado, por causa da queda do dólar, a montadora começou a ter prejuízos com as exportações. A empresa anunciou então que estaria com 600 trabalhadores excedentes e precisava fazer um reajuste ao quadro de funcionários. Na época, a GM dispensou 170 funcionários. Ainda de acordo com a entidade da categoria, outros 260 temporários, cujos contratos vencem em março, vão continuar na fábrica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.