Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Goiás volta a exportar carne bovina para a Rússia

Liberação foi comunicada hoje pelo Serviço Federal de Supervisão Veterinária e Fitossanitária da Rússia

Fabíola Salvador, da Agência Estado, Agencia Estado

29 de agosto de 2008 | 17h45

O Estado de Goiás voltará a exportar carne bovina para a Rússia a partir da próxima segunda-feira, informou hoje o Ministério da Agricultura. Só continua suspenso o comércio de carne do município de Cavalcante. A liberação foi comunicada hoje pelo Serviço Federal de Supervisão Veterinária e Fitossanitária da Rússia à Secretaria de Defesa Agropecuária do ministério. A comercialização havia sido suspensa em 27 de junho, após registro de um foco de estomatite vesicular em Cavalcante, município localizado no norte de Goiás. Acordo sanitário firmado entre Brasil e Rússia especifica que, quando houver casos da doença, o Estado brasileiro em questão fica impedido de exportar carne bovina por um período de 12 meses. Goiás foi responsável por cerca de 25% das exportações brasileiras de carne para a Rússia de janeiro a junho de 2008. No período, as vendas de carne do Estado renderam US$ 184,6 milhões. No período, os embarques de produto fornecido por todo o País renderam quase US$ 730 milhões. As informações são da assessoria de imprensa do ministério.

Tudo o que sabemos sobre:
CarneRússiaGoiás

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.