Google Street View abre as suas portas para Harry Potter

Mapas virtuais permitem visitar os cenários das aventuras do personagem de J.K. Rowling

11 de julho de 2013 | 20h32

 SÃO PAULO - Os cenários das aventuras de Harry Potter já podem ser visitados no Google Street View.

Da mesma forma que o mapa virtual do Google permite pesquisar qualquer endereço real, agora também é possível localizar o Beco Diagonal, por exemplo, onde o aprendiz de bruxarias adquiriu sua varinha e os livros usados em Hogwarts.

O serviço permite que os fãs tenham uma vista panorâmica do cenário e também possam caminhar virtualmente pelas ruas eternizadas na obra da britânica J.K. Rowling.

Somando as vendas de livros, bilheteria de filmes e venda de produtos licenciados, Harry Potter já arrecadou US$ 20 bilhões no mundo todo. Somente a marca de Potter é avaliada em mais de US$ 15 bilhões.

O cenário que os fãs podem visitar no Street View faz parte do estúdios da Warner Brothers, em Londres.

Os cenários foram reconstruídos após as filmagens dos oito filmes da série, e viraram uma das atrações turísticas mais visitadas do país.

Segundo a produtora, o local levou três meses para ser construído, e mais 6 meses para que fossem criados os 20 mil produtos que completam as vitrines dos estabelecimentos.

O tour do Google permite que os fãs passem no banco Gringotes, na loja de varinhas do senhor Olivaras, no Profeta Diário (jornal dos bruxos), no Empório das Corujas (onde o Harry adquiriu Edwiges) e, claro, na inovadora Gemialidades Weasley, dos irmãos Fred e George.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.