Governo amplia receitas para Dataprev e BNDES Limited

O governo federal publicou nesta quinta-feira, 22, no Diário Oficial da União (DOU) decreto que altera o Programa de Dispêndios Globais (PDG) para 2014 das empresas estatais federais. O texto amplia o volume total de receitas da Dataprev, de R$ 1,509 bilhão para 1,518 bilhão, e do BNDES Limited, de R$ 10 milhões para R$ 22 milhões.

LUCI RIBEIRO, Agencia Estado

22 de maio de 2014 | 09h34

No novo PDG, também foram incluídas as programações das recém-criadas Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantis (ABGF) e Empresa Brasileira de Administração de Petróleo e Gás Natural (PPSA), em R$ 33 milhões e R$ 41 milhões, respectivamente. O decreto ainda revoga as programações da Refinaria Abreu e Lima (RNEST) e do IRB-Brasil Resseguros previstas para este, sem especificar os valores destinados a cada uma delas.

O PDG é um conjunto de informações econômico-financeiras das estatais, com previsões de gastos com investimentos, amortizações de operações de crédito, operações internas e externas e informações sobre receitas previstas para o exercício.

Tudo o que sabemos sobre:
DataprevBNDES Limitedreceitas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.