Governo anuncia aumento do mínimo de 200 para 250 pesos

O governo anunciou o aumento do salário mínimo que passará de 200 para 250 pesos mensais, retroativo a primeiro de julho, com um escalonamento gradual até chegar, em dezembro, a 300 pesos (1 dólar = 2,79 pesos). O anúncio foi feito pelos ministros do Trabalho, Carlos Tomada; de Economia, Roberto Lavagna; e de Educação, Daniel Filmus. A aposentadoria também aumentará de 200 para 220 pesos. O presidente Néstor Kirchner decidiu ainda incorporar progressivamente, num prazo de oito meses, o abono de 200 pesos, que havia sido concedido pelo ex-presidente Eduardo Duhalde ao setor privado.

Agencia Estado,

10 Julho 2003 | 19h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.