Governo anuncia que começará a pagar dívida externa em 2006

O secretário do Tesouro Nacional, Joaquim Levy, anunciou hoje uma mudança na forma de rolagem da dívida externa brasileira nos próximos dois anos. Em 2006 e 2007, o Tesouro Nacional vai rolar apenas 80% do principal da dívida, o que equivale a US$ 9 bilhões. O vencimento total do principal da dívida neste período é de US$ 11,8 bilhões. Nos últimos anos, governo brasileiro vinha rolando integralmente o principal de sua dívida externa.Levy destacou que um dos objetivos da decisão anunciada hoje é a redução da dívida externa, o que torna o País menos vulnerável e, portanto, mais atrativo na percepção dos investidores estrangeiros. Com esta decisão, a dívida externa brasileira será reduzida em US$ 2,8 bilhões nos próximos dois anos. Segundo o secretário, esta diferença poderá ser coberta de várias maneiras, como compras de dólares no mercado à vista ou uso das reservas internacionais, mas, segundo ele, esta decisão ainda não foi tomada.A uma pergunta sobre se essa decisão ajuda na blindagem da economia brasileira, o secretário disse: "A economia está indo bem. O cenário que se desenha para a inflação é benigno, as exportações estão indo bem e as contas fiscais também".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.