Governo atrapalha crecimento com juro alto, diz Bornhausen

O presidente do PFL, senador Jorge Bornhausen, criticou hoje em São Paulo o aumento da taxa básica de juros (Selic) definido pelo Copom em 0,5 ponto percentual. "O governo vem atrapalhando o crescimento, e, além disso, se vangloria na publicidade oficial de que está fazendo alguma coisa (para o crescimento)", atacou o pefelista. Segundo ele, o governo não vem fazendo os investimentos necessários ao desenvolvimento do País, tais como na área de infra-estrutura. O senador participa, neste momento, de um debate com os empresários do Centro de Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) a respeito da MP 232.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.