Governo britânico detalha cortes no orçamento na 2ª

Plano prevê redução de gastos em 6 bilhões de libras

André Lachini, da Agência Estado,

23 de maio de 2010 | 20h10

O novo governo do Reino Unido irá detalhar na manhã da segunda-feira alguns dos cortes de 6 bilhões de libras, à medida em que o ministro de Finanças, George Osborne, começa a avaliar como o  Tesouro irá enfrentar o déficit de 156 bilhões de libras no orçamento.

Espera-se que Osborne anuncie planos que significarão o corte de mais de 1 bilhão de libras em gastos discricionários, com cerca de 513 milhões de libras vindos das agências executivas do governo, e outros 163 milhões de restrições a contratações de funcionários públicos e outros cortes em custos de viagens, de acordo com fontes familiarizadas com os planos. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.