Governo central acumula no ano superávit de 3,4% do PIB

O governo central (Tesouro, Previdência e Banco Central) teve superávit primário de R$ 4 545 bilhões em outubro. O Tesouro Nacional registrou superávit de R$ 6,461 bilhões, enquanto a Previdência Social e o BC tiveram déficits de R$ 1,901 bilhão e R$ 13,4 milhões, respectivamente.Com o resultado no mês passado, o superávit primário do governo central no ano subiu para R$ 43,009 bilhões, o equivalente a 3,40% do PIB. De janeiro a outubro de 2002, o superávit do governo central era de R$ 33,904 bilhões, o que correspondia a 3,15% do PIB.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.