Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Governo confirma Miriam Belchior na presidência da Caixa

Miriam substituirá Jorge Hereda, que ficou no cargo durante quatro anos; a posse da ex-ministra está marcada para 23 de fevereiro

Tânia Monteiro,Rafael Moraes Moura, O Estado de S. Paulo

10 Fevereiro 2015 | 13h24



Texto atualizado às 19h35

O Palácio do Planalto confirmou a indicação da ex-ministra do Planejamento Miriam Belchior, para a presidência da Caixa Econômica Federal (CEF), conforme antecipou o Broadcast, serviço em tempo real da Agência Estado, em 9 de janeiro. Miriam substituirá Jorge Hereda, que ficou no cargo durante quatro anos. A posse de Miriam Belchior está marcada para o dia 23 de fevereiro. 

À frente da Caixa, Miriam Belchior ajudará o governo a tocar a terceira fase do Programa Minha Casa Minha Vida, que prevê a construção de três milhões de unidades habitacionais. Outra missão da nova presidente da Caixa será preparar o banco para uma abertura de capital, ideia levantada por Dilma no fim do ano passado, mas que ela própria disse que será um "processo demorado".


Dilma, Miriam e Hereda estiveram reunidos na manhã desta terça-feira, no Planalto. Na nota, a presidente Dilma agradeceu a "dedicação, a competência e a lealdade de Hereda". O ex-presidente da CEF permanecerá no cargo até a conclusão de uma transição e a formação da nova equipe.

Com a ida emergencial do ex-presidente do Banco do Brasil, Aldemir Bendine, para o comando da Petrobrás, a presidente Dilma decidiu manter Luciano Coutinho na presidência do BNDES, ao menos por enquanto, conforme apurou o Broadcast.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.