Governo corta R$ 44 bilhões do Orçamento de 2014

Após meses de expectativas e incertezas dos investidores em relação aos rumos da política fiscal, o governo anunciou um corte de R$ 44 bilhões no Orçamento da União deste ano. O governo vai perseguir uma meta de superávit primário das contas do setor público de R$ 99 bilhões, o equivalente a 1,9 % do Produto Interno Bruto (PIB).

ADRIANA FERNANDES, RENATA VERÍSSIMO, LAIS ALEGRETTI E RICARDO DELLA COLETTA, Agencia Estado

20 de fevereiro de 2014 | 11h13

O compromisso de esforço fiscal deste ano é maior do que os R$ 91,306 bilhões alcançados no ano passado, embora o porcentual em relação ao PIB seja semelhante ao de 2013, que foi de 1,91% do PIB. A meta de 2014, porém, é menor do que os 2,1% do PIB prometidos quando o governo enviou, em meados do ano passado ao Congresso Nacional a proposta de Orçamento da União. (

Tudo o que sabemos sobre:
meta fiscal2014

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.