Governo da China vai ajudar Xinjiang após atentados

O governo da China realizou uma reunião de dois dias para promover o desenvolvimento de Xinjiang, região que foi atingida por recentes ataques terroristas.

SERGIO CALDAS, Agencia Estado

29 de maio de 2014 | 11h28

Na ocasião, o presidente chinês, Xi Jinping, reiterou que vai combater o terrorismo na província, segundo a rádio estatal. Já o primeiro-ministro Li Keqiang disse que o governo vai oferecer apoio extraordinário às políticas de Xinjiang, incluindo incentivos para a criação de empregos que absorvam a mão de obra local. (com informações da Market News International)

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaXinjiangAtentado

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.