Governo desiste de aumentar contribuição previdenciária

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, anunciou na noite desta terça-feira que o governo desistiu de aumentar a contribuição previdenciária em 0,6 ponto porcentual, para possibilitar o pagamento dos atrasados dos aposentados do INSS. Segundo ele, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ficou sensibilizado com as reivindicações dos empresários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.