Governo dos EUA fecha dois bancos

Dois bancos que operavam nos Estados de Nevada, Arizona e Califórnia, no oeste dos Estados Unidos, foram fechados hoje pela autoridade regulatória do setor por conta da crise do setor. A Sociedade Federal de Seguro de Depósito (FDIC), agência pública que garante os depósitos bancários, fechou os bancos First National Bank of Nevada e o First Heritage Bank N.A. A FDIC informou que esta seria a medida de menor custo possível e que todos os correntistas, incluindo os fundos, serão transferidos para o banco Mutual of Omaha, "com o montante total de seus depósitos". Até o dia 30 de junho, os ativos dos dois bancos fechados somava US$ 3,6 bilhões, ante US$ 4,1 bilhões registrados seis meses atrás. Bill Uffelman, da Associação dos Bancos de Nevada, disse hoje que a medida da FDIC reflete o momento atual da economia norte-americana. Uffelman alertou ainda para o reflexo da medida sobre o consumidor. Ele lembrou que quando as autoridades norte-americanas fecharam as unidades do banco IndyMac Bank inúmeros correntistas permaneceram horas na fila para retirar os recursos depositados no banco.

AE-AP, Agencia Estado

26 de julho de 2008 | 19h46

Mais conteúdo sobre:
EUAbancos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.