Governo eleva oferta de arroz em leilão para 100 mil t

O governo decidiu elevar para 100 mil toneladas (t) a oferta de arroz dos estoques públicos que será leiloada na semana que vem. A decisão foi tomada ontem, depois que 100% do volume oferecido (82,5 mil toneladas) foi vendido para as indústrias de beneficiamento. O leilão de ontem, realizado com arroz armazenado nos Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, durou mais de 10 horas.O presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Wagner Rossi, avaliou que os leilões de estoques públicos conseguiram estabilizar o preço do cereal no mercado interno. O produto é vendido, em média, por R$ 34,00 por saca de 50 quilos. Em nota, a Conab informou que os estoques públicos do governo contam ainda com aproximadamente 1,3 milhão de toneladas de arroz. Somente em 2008, a Conab já ofertou 330 mil toneladas de arroz e comercializou 213 mil toneladas. As vendas de ontem representaram 38,7% de todo o arroz negociado pela estatal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.