Governo está no ‘combate acirrado’ à inflação, afirma Dilma

Presidente disse que as atenções do governo estão voltadas para a questão da elevação dos preços 

Leonêncio Nossa, da Agência Estado,

25 de abril de 2011 | 09h52

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira, 25, que o governo está no "combate acirrado" à inflação. Em rápida entrevista após ser vacinada contra a gripe, e promover o início da campanha nacional da vacinação, no Palácio do Planalto, Dilma disse que o governo está atento.

"Nós temos muita preocupação com a inflação. Não haverá, em hipótese alguma desmobilização do governo diante da inflação", disse. "Todas as nossas atenções estarão voltadas para o combate acirrado à inflação", garantiu.

Nesta segunda-feira, 25, o mercado financeiro voltou a elevar a projeção para a inflação em 2011, segundo o boletim Focus divulgado pelo Banco Central (BC). De acordo com a pesquisa, a expectativa para a inflação oficial neste ano subiu de 6,29% para 6,34%, em um patamar ainda mais distante do centro da meta de inflação, que é de 4,50%. A meta tem margem de tolerância de dois pontos porcentuais para cima ou para baixo.

Na semana passada, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC decidiu elevar em 0,25 ponto porcentual a taxa básica de juros (Selic). A decisão não foi unânime. Cinco integrantes do comitê votaram por alta de 0,25 ponto porcentual, enquanto dois por elevação de 0,50 ponto porcentual.

Tudo o que sabemos sobre:
dilma rousseffinflaçãocombate

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.