Governo investiga dumping em resina de policarbonato

O governo brasileiro decidiu ontem investigar a existência de dumping (preços artificialmente baixos) nas exportações da Coreia e da Tailândia para o Brasil de resina de policarbonato. O produto é transformado em plástico amplamente utilizado pela indústria, na fabricação, por exemplo, de faróis e calotas para veículos, componentes de eletrodomésticos e celulares, mamadeiras, potes e tomadas elétricas.

O Estado de S.Paulo

30 de dezembro de 2011 | 03h03

Análise preliminar mostrou haver indícios da prática de concorrência desleal, com dano à indústria doméstica, que reduziu preços e perdeu mercado, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Outra medida anunciada ontem contra produtos da Ásia foi a proibição da importação de lápis de mais uma empresa de Taiwan, por problemas no certificado de origem. Investigação do governo brasileiro mostrou que a maior parte desse produto é feito na China. / EDUARDO CUCOLO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.