Governo japonês estuda garantia de empréstimo à JAL

O governo japonês estuda a concessão de garantias para cerca de 700 bilhões de ienes em empréstimos e outros fundos fornecidos por instituições financeiras para ajudar a companhia aérea JAL a reestruturar suas operações, publica o jornal Nikkei em sua edição de domingo. De acordo com as fontes ouvidas pelo diário, o governo pretende alocar os fundos necessários para o programa no segundo orçamento suplementar para o ano fiscal de 2009.

RICARDO GOZZI, Agencia Estado

05 de dezembro de 2009 | 16h27

O programa tem como objetivo evitar que a JAL seja obrigada a suspender voos por escassez de recursos operacionais. O programa de garantias de empréstimos também abrangeria a possibilidade de investimentos de instituições financeiras na companhia aérea. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
JapãoaviaçãoJAL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.