carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Governo lança medidas para desburocratizar exportação

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior lança nesta segunda-feira duas medidas para facilitar as exportações brasileiras até com o uso da internet: o Radar Comercial e o Projeto de Simplificação e Modernização do Sistema Drawback. O objetivo principal dessas ações é diminuir a burocracia e promover o comércio exterior do País.O anúncio das medidas será feito às 9h30, na sede da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) e contará com as presenças do presidente da Agência de Promoção de Exportações, Juan Quirós, e do secretário de Comércio Exterior do Ministério, Ivan Ramalho. A primeira das ações, o Sistema Radar Comercial, é um serviço criado pelo Ministério de Desenvolvimento em parceria com a APEX-Brasil. Através da internet, o empresário brasileiro poderá identificar oportunidades comerciais no mercado externo e saber em que países há maior demanda pelo seu produto.No caso do Drawback - isenção do imposto para matéria-prima importada, desde que direcionada para fabricação de produto final exportado -, o Ministério do Desenvolvimento já concluiu a modernização e a revisão normativa do sistema. Amanhã, esse projeto, que faz parte da Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior anunciada pelo Governo Federal semana passada, será apresentado ao empresariado nacional, para que sejam feitas críticas e sugestões do modelo. Atualmente 1.800 indústrias utilizam o drawback, e dos US$ 70 bilhões exportados no ano passado, US$ 20 bilhões foram por este sistema.

Agencia Estado,

11 de abril de 2004 | 12h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.