finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Governo libera R$250 mi para subvenção ao algodão; reduz valores para milho

O governo federal liberou 250 milhões de reais para a realização de leilões públicos de subvenção aos preços de algodão em pluma das safras 2013/14 e 2014, segundo portaria interministerial publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União.

REUTERS

17 de setembro de 2014 | 09h07

O apoio será feito por meio do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro), em que o governo, em momentos de baixa das cotações, paga ao produtor a diferença entre o valor de comercialização do produto e o preço mínimo oficial.

No início do mês, o Ministério da Agricultura havia anunciado destinação de 300 milhões de reais para leilões de Pepro de algodão, além de outros 350 milhões de reais para apoio à comercialização de trigo.

Na portaria desta quarta-feira os ministérios da Agricultura, da Fazenda e do Planejamento reduziram para 300 milhões de reais os valores destinados ao Pepro de milho, ante 500 milhões definidos em portaria publicada no dia 6 de agosto.

(Por Gustavo Bonato)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSALGODAOPEPRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.