Covid-19

Bill Gates tem um plano para levar a cura do coronavírus ao mundo todo

Governo pode rever "tolerância zero" para embarque de soja

Dois dias depois de anunciar regras mais rígidas para evitar a mistura de soja em grãos com sementes tratadas com fungicidas, o governo voltou atrás e pode desistir da proposta "de tolerância zero". Em reunião nesta sexta-feira, no Ministério da Agricultura, os exportadores de soja deram um recado claro ao governo: zero de tolerância é impossível.Aparentemente, o argumento convenceu o governo. "A vida é uma evolução. Desde que tenhamos provas suficientes de que é impossível a tolerância zero, podemos mudar", afirmou o ministro interino da Agricultura, José Amauri Dimarzio, que se reuniu com a cadeia produtiva da soja nesta sexta-feira. "O assunto precisa ser melhor analisado", disse um interlocutor do ministério. Na reunião, ficou definido que os técnicos do governo e da iniciativa privada formarão um grupo de trabalho que estudará os termos da instrução normativa - que trará também normas para os níveis aceitáveis de insetos vivos, impurezas e umidade. Uma resposta será apresentada ao governo na segunda-feira, em reunião marcada para as 10h30, no ministério.A mistura de soja com sementes provocou um impasse comercial com a China, que recusou lotes de soja brasileira. A mistura fez a China cancelar a compra de grãos fornecidos por seis tradings. Veja mais informações sobre o assunto nos links abaixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.