finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Governo reduz de 1,8% para 0,98% crescimento da economia

O Ministério do Planejamento reduziu de 1,8% para 0,98% a projeção para o crescimento da economia em 2003. Com a revisão, o governo passa a trabalhar com estimativa de que o PIB será de R$ 1,558 trilhão e não mais de R$ 1,590 trilhão. Diante disso, a meta de superávit primário do setor público sofrerá uma queda de R$ 1,360 bilhão. Com a projeção anterior, a meta de 4,25% do superávit primário correspondia a R$ 67,575 bilhões e passa agora a valer R$ 66,215 bilhões.O secretário executivo do Ministério, Nelson Machado, acredita que em novembro, quando o governo fará uma nova avaliação, será possível liberar parte dos R$ 319 milhões bloqueados no orçamento hoje. Isso porque, segundo ele, a economia já dá sinais de retomada da atividade.

Agencia Estado,

23 de setembro de 2003 | 19h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.